USO DE PLANTAS MEDICINAIS PARA ALÍVIO DA ANSIEDADE

USE OF MEDICINAL PLANTS FOR ANXIETY RELIEF

Home > CIÊNCIAS DA SAÚDE > BOAS PRÁTICAS DE ENFERMAGEM NOS CICLOS DE VIDA - VOL. 1


CIÊNCIAS DA SAÚDE Visualizações: 1142
Ano: 2022

Download do Capítulo

COMPARTILHAR
Resumo:

Objetivo: tendo como objetivo geral desse trabalho é analisar os resultados de estudos científicos acerca do uso de plantas medicinais e seus efeitos terapêuticos em pacientes com Transtornos de Ansiedade Generalizada (TAG). Metodologia: Através da  revisão integrativa os pesquisadores tiveram a possibilidade de se aproximar da problemática analisada, traçando planos de ação ao longo do estudo para desenvolvimento do trabalho. Para a construção da revisão, foi necessário percorrer as seguintes etapas: 1ª definição do tema; 2ª pesquisa bibliográfica; 3ª elaboração do projeto de pesquisa; 4ª entrega do projeto de pesquisa; 5ª coleta de dados e 6ª elaboração de trabalho de conclusão. RESULTADOS: A pesquisa teve como base de dados Science Direct, LILACS e Scielo, deste modo de início foram identificados 139 artigos inicialmente. Após aplicada a estratégia de exclusão restaram 47 artigos apresentados no Science Direct. A mesma redução houve no LILACS restando 29 artigos e no Scielo 8 artigos. CONCLUSÃO: Por meio dessa pesquisa podemos chegar à conclusão que, de acordo com estudos, as plantas medicinais tem um resultado muito positivo no tratamento de ansiedade, pois são relaxantes naturais e provocam um déficit na produção de adrenalina, aliviando assim a tensão e irritabilidade da mente, além de outros problemas. 


Palavra-chave: plantas medicinais,ansiedade,fitoterápicos,transtornos neurológicos


Abstract:

Objective: The general objective of this work is to analyze the results of scientific studies on the use of medicinal plants and their therapeutic effects in patients with Generalized Anxiety Disorders (GAD). Methodology: Through the integrative review, researchers had the possibility of getting closer of the analyzed problem, outlining action plans throughout the study for the development of the work. To build the review, it was necessary to go through the following steps: 1st definition of the theme; 2nd bibliographic research; 3rd elaboration of the research project; 4th delivery of the research project; 5th data collection and 6th preparation of the final work. RESULTS: The research was based on Science Direct, LILACS and Scielo, thus initially 139 articles were initially identified. After applying the exclusion strategy, 47 articles were presented in Science Direct. The same reduction occurred in LILACS, with 29 articles remaining and in Scielo 8 articles. CONCLUSION: Through this research we can reach the conclusion that, according to studies, medicinal plants have a very positive result in the treatment of anxiety, as they are natural relaxants and cause a deficit in the production of adrenaline, thus relieving tension and irritability of the mind, plus other problems


Keywords: medicinal plants,anxiety,herbal medicines,neurological disorder


Idiomas:


PORTUGUÊS

DOI:


10.48140/digitaleditora.2022.010.3

ISBN:


978-65-89361-15-2

AUTORES :


Cassiana Ferreira Dos Santos
Mariana Carvalho De Vasconcelos
Rayslana Kercia Da Cunha Silva
Thais Pessoa Da Silva
Vanusa Da Silva Barreto
Rian Felipe de Melo Araújo



Rua Luis Pires de Lima, 3770 – São João
Teresina – PI – CEP: 64.047-020
E-mail: [email protected]

Digital Editora - CNPJ: 37.684.427/0001-66

© 2024 - Digital Editora - Todos os direitos reservados.