ANSIEDADE ENTRE OS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM E SEUS FATORES DE RISCO DENTRO DO AMBIENTE DE TRABALHO

ANXIETY AMONG NURSING PROFESSIONALS AND ITS RISK FACTORS WITHIN THE WORK ENVIRONMENT

Home > CIÊNCIAS DA SAÚDE > TRAÇANDO CAMINHOS NA PRÁTICA DE ENFERMAGEM: CONHECIMENTO E CUIDADO


CIÊNCIAS DA SAÚDE Visualizações: 1768
Ano: 2023

Download do Capítulo

COMPARTILHAR
Resumo:

INTRODUÇÃO: A ansiedade é um estado emocional com sentimentos de apreensão e medo associados a uma sensação estranha ou percepção de perigo iminente. Quando esses sentimentos excessivos prejudicam a qualidade de vida e o bem-estar emocional, é considerado um transtorno patológico. OBJETIVO: Identificar fatores associados ao risco de ansiedade entre profissionais de enfermagem dentro do ambiente de trabalho. METODOLOGIA: Trata-se de uma ampla revisão da literatura em que a construção da pesquisa está amparada na questão " Quais fatores de risco levam os enfermeiros a desenvolver altos níveis de ansiedade dentro do ambiente de trabalho?”. A pesquisa foi conduzida em 2022, através de buscas nas bases de dados virtuais em saúde LILACS, PubMed e Sciense Direct. As palavras-chave utilizadas nas buscas foram "ansiedade", "enfermagem" e "profissionais". RESULTADOS: Quatro artigos selecionados apontam que enfermeiros são mais suscetíveis a desenvolver ansiedade no ambiente de trabalho, devido às péssimas condições de trabalho, carga horária elevada e exaustiva, sobrecarga de tarefas, falta de reconhecimento e desvalorização profissional, além da exposição a eventos traumáticos. CONCLUSÃO: É necessário debater estratégias para reduzir o desgaste dos profissionais de enfermagem, incluindo a implementação de políticas públicas de saúde. A auriculoterapia, é uma técnica amplamente usada, capaz de proporcionar benefícios e alívio em casos de altos níveis de ansiedade.


Palavra-chave: Ansiedade,Enfermagem,Profissionais


Abstract:

INTRODUCTION: Anxiety is an emotional state with feelings of apprehension and fear associated with a strange sensation or perception of impending danger. When these excessive feelings impair quality of life and emotional well-being, it is considered a pathological disorder. OBJECTIVE: To identify factors associated with the risk of anxiety among nursing professionals within the work environment. METHODOLOGY: This is a broad review of the literature in which the construction of the research is supported by the question "What risk factors lead nurses to develop high levels of anxiety within the work environment?". The research was conducted in 2022, through searches in the virtual health databases LILACS, PubMed and Sciense Direct. The keywords used in the searches were "anxiety", "nursing" and "professionals". RESULTS: Four selected articles indicate that nurses are more susceptible to develop anxiety in the work environment, due to poor working conditions, high and exhausting workload, task overload, lack of recognition and professional devaluation, in addition to exposure to traumatic events. CONCLUSION: It is necessary to discuss strategies to reduce the wear and tear of nursing professionals, including the implementation of public health policies. Auriculotherapy is a widely used technique, capable of providing benefits and relief in cases of high levels of anxiety.


Keywords: Anxiety,Nursing,Professionals


Idiomas:


PORTUGUÊS

DOI:


10.48140/digitaleditora.2023.003.1

ISBN:


978-65-89361-19-0

AUTORES :


Francisco Braz Milanez Oliveira
Charlysson Rodrigo de Lima Ramo
Danielle Taynara Silva Santos
Washington Luiz Raimundo Gomes Tavares
Geysa Soares de Sepúlvida
Ana Hilda Silva Soares
Wanderlene de Oliveira do Nascimento
Ana Paula da Penha Alves



Rua Luis Pires de Lima, 3770 – São João
Teresina – PI – CEP: 64.047-020
E-mail: [email protected]

Digital Editora - CNPJ: 37.684.427/0001-66

© 2024 - Digital Editora - Todos os direitos reservados.