DESAFIOS PRESENTES NA ASSISTÊNCIA À SAÚDE DA COMUNIDADE LGBTQIAP+ NA ATENÇÃO BÁSICA

CHALLENGES PRESENT IN COMMUNITY HEALTH CARE LGBTQIAP+ IN BASIC ATTENTION

Home > CIÊNCIAS DA SAÚDE > TRAÇANDO CAMINHOS NA PRÁTICA DE ENFERMAGEM: CONHECIMENTO E CUIDADO


CIÊNCIAS DA SAÚDE Visualizações: 1488
Ano: 2023

Download do Capítulo

COMPARTILHAR
Resumo:

Objetivo: Evidenciar a importância do cuidado integral de enfermagem para populações LGBTQIAP+ na primária à saúde. Metodologia: Foi realizada uma revisão de escopo para identificar estudos sobre cuidados de enfermagem para indivíduos comunidades de minorias sexuais e de gênero na atenção básica de saúde. Foram incluídos oito estudos publicados em 2022. Resultados: Os estudos destacaram a discriminação e obstáculos enfrentados pelas minorias sexuais e de gênero no acesso à saúde, bem como a necessidade de programas e treinamentos específicos para profissionais de saúde abordarem as necessidades desses pacientes e reduzirem as disparidades na assistência à saúde. Conclusão: A inclusão e sensibilidade no cuidado de saúde para minorias sexuais e de gênero são cruciais para reduzir as disparidades na assistência à saúde e melhorar os resultados de saúde desses pacientes. É necessário que os profissionais de saúde recebam treinamento específico para atender às necessidades desses pacientes e criar um sistema de saúde mais inclusivo e não discriminatório.


Palavra-chave: Assistência à saúde,Assistência de enfermagem,Enfermagem de Atenção primária,Atenção


Abstract:

Purpose: To highlight the importance of comprehensive nursing care for LGBTQIAP+ populations in primary health care. Methodology: A scoping review was conducted to identify studies on nursing care for individuals sexual and gender minority communities in primary health care. Eight studies published in 2022 were included. Results: The studies highlighted the discrimination and obstacles faced by sexual and gender minorities in accessing healthcare, as well as the need for specific programs and training for healthcare professionals to address the needs of these patients and reduce disparities in healthcare. Conclusion: Inclusion and sensitivity in health care for sexual and gender minorities are crucial to reducing health care disparities and improving health outcomes for these patients. It is necessary for health care providers to receive specific training to meet the needs of these patients and create a more inclusive and non-discriminatory health care system.


Keywords: Health care,Nursing Care,Primary Care Nursing,Primary care


Idiomas:


PORTUGUÊS

DOI:


10.48140/digitaleditora.2023.003.17

ISBN:


978-65-89361-19-0

AUTORES :


Camilla Lohanny Azevedo Viana
Andressa Ferreira de Brito
Sara de Jesus Dutra Alves
Jéssyca Fernanda Ferreira de Brito
Mirian Cristina Sousa Vieira Lima
Tizzianna Costa Torres



Rua Luis Pires de Lima, 3770 – São João
Teresina – PI – CEP: 64.047-020
E-mail: [email protected]

Digital Editora - CNPJ: 37.684.427/0001-66

© 2024 - Digital Editora - Todos os direitos reservados.